7.5.08

Chengdu - Lassa (II)






4 comentários:

Clara mãe disse...

Muito inóspito. Muito frio.
Não gostaria de viver aí.
Demasiadas horas de comboio e
demasiadas pessoas no mesmo.
De qualquer forma também muito
belo.
Clara mãe

Nélinha disse...

Curioso. Antes de ler o comentário anterior tinha tido exactamente a mesma sensação: muito árido, muito agreste - sem vegetação e, sobretudo, sem mar! Não me imagino a viver longe do mar! E vocês também não!Faz parte da nossa identidade!
"Uma língua é um lugar donde se vê o mundo e em que se traçam os limites do nosso pensar e sentir.
Da minha língua, vê-se o mar."
Virgílio Ferreira
Beijinhos!

Nélinha disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Nanda disse...

O interior do comboio pode ser claustrofóbico, mas aprecio bastante as paisagens cá de fora.
è um género de beleza que me atrai.Deve ser por que sou do interior.De qualquer forma, tiro o chapéu ao Virgílio Ferreira...